domingo, 17 de julho de 2016

Falando em tradução, mês passado fizemos um encontro do povo do LSI/USP, e eu aproveitei a oportunidade para pegar um autógrafo do Arnaldo Oka no meu Hikaru no Go #1 (depois da USP, o Oka virou o mestre tradutor dos mangás da JBC).

Em retrospecto, trabalhar no LSI foi muito importante num aspecto pouco usual. Eu estudei eletrônica num dos melhores colégios técnicos do país, depois estudei engenharia num dos melhores cursos do país. O efeito colateral disso é que com tanta overdose de exatas, eu tinha tudo para ser um desses babacas que acha gente de humanas só serve para fazer miçanga.

Felizmente, trabalhar em um laboratório interdisciplinar curou isso. Curou tão bem, que hoje em dia eu sou casado com a Ila Fox, que é formada em artes plásticas. Fora do trabalho, eu passo mais tempo com gente de humanas do que com gente de exatas!



Nenhum comentário:

Postar um comentário